Poder pessoal ou importância pessoal?